Contos de Lovecraft: O Alquimista


"Que nenhum nobre de vossa linhagem assassina
Sobreviva para atingir uma idade maior que a vossa”.
   
   O Alquimista é um dos primeiros contos de Lovecraft, escrito ainda quando ele tinha entre 17 e 18 anos, a ser publicado, sua primeira aparição ocorreu numa antiga edição da The United Amateur de 1916. O conto já possui algumas das características que estão presentes em suas obras como a linguagem utilizada e referencias a magia negra, porém ainda falta a peça principal que o tornou famoso o "horror cósmico" com suas criaturas horripilantes e seres divinos de outras eras e mundos. 
  
Narrado em primeira pessoa, O Alquimista narra a história do Conde Antoine de C... E sua busca para entender e desvendar os segredos de sua família. Sua mãe morreu em seu nascimento e seu pai, dois anos após, em circunstancias bastante duvidosas também se foi deixando assim a tarefa de educar e criar o pequeno Antoine, para um antigo empregado leal da estirpe, Pierre.  Crescendo sozinho no decadente castelo dos C... O jovem se ocupou dos prazeres da leitura para passar o tempo, já que a companhia de outros lhe era negada tanto por causa de seu nascimento elevado como pelas lendas que circulavam no vilarejo ao redor. Os Condes de C... Eram amaldiçoados. Numa noite, já na adolescência, Antoine consegue retirar pedaços da história do velho Pierre que lhe revela que todos os homens de sua família morreram com a idade de trinta e dois anos, dando lhe assim material para meditar pelos próximos meses quando então resolve lhe dar os documentos da família onde a verdadeira história está detalhada. Lendo aquilo Antoine mergulha em universo de magia negra e maldições e descobre que há uma chance de escapar da sua maldição.
 É um conto pequeno, com não mais que dez páginas, que traz uma história rápida com uma reviravolta no final, apesar de não surpreender tanto o leitor, que liga os pontos através das pequenas pistas deixadas pelo autor. Mas mesmo assim Lovecraft consegue prender a atenção do leitor e entreter, seu estilo inconfundível faz com que o leitor mesmo sabendo o que está atrás da porta abra o trinco e se depare com aquilo que é a fonte de seus pesadelos.  Bem vindo ao mundo de horror de H. P. Lovecraft.

Minha nota: ☠☠☠☠☠☠☠☠☠☠ (10/10 Caveiras)

1 comentários:

  1. elisangela disse...

    Lovecraft é incrivel..Sussurro nas trevas(um livro de contos)merecia uma resenha.Você já leu Dagon?

Postar um comentário